Elba finaliza disco em que canta Arnaldo Antunes, Dominguinhos e Lula Queiroga

Embora Elba Ramalho tenha lançado álbum em dezembro de 2017, Eu sou o caminho, disco de repertório de tom cristão, a cantora paraibana já finaliza outro álbum neste primeiro semestre de 2018. Neste próximo disco, que tem produção assinada por Tostão Queiroga com Yuri Queiroga, Elba dá voz a músicas de compositores como Arnaldo Antunes e Lula Queiroga, de quem, além de uma composição inédita, a intérprete grava Girassol da caverna, música lançada por Lula há 35 anos no álbum Baque solto (1983), dividido pelo artista pernambucano com o parceiro Lenine.

Elba – em foto de Ricardo Penna – também regrava um sucesso da banda Cidade Negra – Girassol (Toni Garrido, Da Ghama, Lazão, Bino Farias e Pedro Luís, 2002), música lançada há 16 anos pelo grupo fluminense de reggae – e uma canção de Dominguinhos (1941 – 2013), Além da última estrela, parceria do compositor pernambucano com o poeta cearense Fausto Nilo apresentada na voz de Maria Bethânia há 26 anos no álbum Olho d'água (1992).

Outra regravação do disco é Calcanhar, música de Yuri Queiroga e Manuca Bandini, lançada em 2013 em disco da cantora Ylana Queiroga. Gravado no tom pop contemporâneo dos álbuns Qual o assunto que mais lhe interessa? (2007) e Do meu olhar para fora (2015), o 38º título da discografia de Elba Ramalho já está bem adiantado, mas a intérprete ainda não pôs as vozes definitivas nas músicas.

Compartilhe!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se você encontrar algo de carater ofensivo, por favor denuncie.

Comentários (0)


Deixe um comentário